A Importância do Digital na Saúde: Salvar o Negócio em Tempos Difíceis
669
post-template-default,single,single-post,postid-669,single-format-standard,qode-listing-1.0.1,qode-social-login-1.0,qode-news-1.0,qode-quick-links-1.0,qode-restaurant-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-12.1.1,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.4.4,vc_responsive

A Importância do Digital na Saúde: Salvar o Negócio em Tempos Difíceis

O marketing digital revela-se importante na área da saúde, como em qualquer outra área que pretenda perspetivar o futuro de forma sustentada, visando a prosperidade e a conquista do sucesso no mundo moderno. O marketing digital ajuda a promover um serviço ou a venda de qualquer produto, nomeadamente de saúde. 

O público em geral e os consumidores em específico devem estar ao corrente dos serviços de uma clínica, de um consultório, de um hospital, como acontece noutras áreas e negócios. E, num contexto de pandemia, revela-se particularmente relevante reforçar a importância do digital na área da saúde.

A Importância do Digital na Saúde: Salvar o Negócio durante a Pandemia
Contexto

O momento de pandemia que vivemos é verdadeiramente único e excecional. É um acontecimento mundial, durante o qual muitos têm de continuar a trabalhar, apesar do recomendado isolamento. 

Muitos governos impuseram o Estado de Emergência, de forma a obrigar as pessoas a ficarem em casa. Muitos negócios fecharam durante várias semanas, colocando os seus funcionários em lay off. Algumas empresas colocaram os seus empregados em tele-trabalho.

Aproveitamento do contexto

Recentemente, Portugal passou do Estado de Emergência para a Situação de Calamidade. Contudo, a recomendação é sempre a mesma “fiquem em casa”. Este contexto irá continuar até existir uma vacina. Há uma corrida mundial pela mesma, mas enquanto ela não estiver disponível, o recolhimento domiciliário é a melhor medida. 

Este contexto especial tem sido aproveitado pelas empresas, pois há muitas mais pessoas em casa, com mais tempo para navegar pela internet, o qual pode ser aproveitado para os negócios e as marcas (nomeadamente da área da saúde) estreitarem laços pré-existentes, mas também para criarem novas relações, conquistando novos clientes. 

Por isso, grandes empresas, nomeadamente da área da saúde, têm aproveitado este contexto para impulsionar o seu negócio, disponibilizando mais conhecimento sobre a sua empresa, os seus produtos e os seus serviços. Algumas empresas até apostam em serviços desenvolvidos especificamente para este contexto em que vivemos, como as videoconsultas que se revelam preciosas para quem pretende evitar ao máximo o risco de sair de casa.

Quer impulsionar o seu consultório ou clínica online? Eis cinco formas de o fazer:

  • Estratégia em motores de pesquisa
  • Estratégia de e-mail marketing
  • Estratégia nas Redes Sociais
  • Utilizar Blogs
  • Vídeo Marketing

 

Motores de pesquisa

É importante saber trabalhar os motores de pesquisa e delinear diferentes estratégias, aproveitando o atual contexto. Diferentes motores de busca como Google, Bing, Yahoo representam campos distintos, onde se deve apostar. Fazer um trabalho adequado em cada um deles, é garantia de bons resultados. Ter uma boa uma estratégia de SEO (otimização dos motores de pesquisa) ou de SEM (marketing nos motores de pesquisa) pode contribuir para que tenha maior eficácia. 

Muitas empresas da área da saúde (mas não só) apostaram em conteúdos diversificados, entre eles em keywords como: isolamento, novo coronavírus, Covid-19, quarentena, teleconsulta, entre muitas outras. Esta política digital permite que o público atual e o público-alvo constate que, apesar do contexto insólito, há uma empresa da área da saúde que se esforça por estar presente neste momento de maior necessidade. As estratégias certas vão levar os motores de pesquisa a posicionar melhor o site da sua empresa na pesquisa efetuada, levando a que os serviços disponibilizados e os produtos da sua marca cheguem a mais gente.

E-mail marketing

O recurso a estratégias de e-mail marketing revela-se outra forma preciosa de chegar a mais gente. Neste contexto, em que o correio eletrónico é usado de forma diária e regular, esta ferramenta permite proporcionar uma maior proximidade entre consultório/clínica e cliente/utente. Na área da saúde, pode fazer toda a diferença na pessoa que está em dúvida entre duas clínicas, por exemplo.

Redes Sociais

O recurso a estratégias nas redes sociais revela-se igualmente obrigatório, pois neste contexto há um aumento do uso das redes sociais que, atualmente, são utilizadas para os mais variados fins. Elas não são apenas “frequentadas” para socializar, havendo também uma procura por informação privilegiada. 

As empresas (nomeadamente da área da saúde, como consultórios, clínicas ou hospitais) devem aproveitar esta circunstância com bastante eficácia, partilhando informação mais sensível, levando à criação de uma comunidade de seguidores/consumidores dessa página ou grupo. 

Blogs

Os blogs representam outra estratégia digital que permite às empresas da área da saúde conseguirem uma maior proximidade com as pessoas. Há consultórios, clínicas ou hospitais que partilham diversos conteúdos relacionados com o contexto atual (mas não só), revelando dicas, apresentando sugestões, derrubando mitos relacionados com a saúde, partilhando informação valiosa e conteúdo com riqueza e pertinência.

Vídeo Marketing

O vídeo marketing é uma estratégia que também se pode revelar preciosa. As pessoas recorrem, cada vez mais, a vídeos e a podcasts com informação relevante e as empresas e marcas mais modernas (nomeadamente na área da saúde) que criam conteúdos em vídeo para promover os seus serviços. 

Os formatos de vídeo e podcasts representam uma forma diferente, mais dinâmica, de fazer o público conhecer os serviços da empresa. Por isso, convém criar conteúdos ricos, interessantes, com conhecimentos preciosos e recorrendo a técnicas e softwares inovadoras. 

Dicas

É importante planear bem a estratégia digital. Para isso, convém apostar em conhecimento consolidado e não apenas no conhecimento do produto e do serviço que se oferece, mas também do público e da concorrência. Ter este conhecimento, do público em geral (sabendo distinguir clientes atuais de clientes potenciais), permitirá delinear uma estratégia personalizada para o público alvo. 

É importante conhecer o que a concorrência está a fazer nas diferentes áreas, nos motores de pesquisa, nas redes sociais, nos sites, no email marketing, pois isso permite perceber o que está a fazer bem, mas também o que está a fazer mal e onde pode fazer a diferença! 

É ainda indispensável fazer uma autocrítica ao trabalho desenvolvido, para saber onde pode melhorar. Analisar as campanhas de forma continuada e pormenorizada e perceber quantitativamente, em termos de resultados, se há razões para alterar as estratégias. 

Parceiro

A criação de uma parceria digital pode ser verdadeiramente aliciante, pois ter um especialista da área do marketing digital, como a Constant Circle, pode ser a “pedra de toque” que permite alavancar os resultados de qualquer consultório ou clínica. 

A Constant Circle tem um know-how em marketing, especialmente dedicado à área de saúde, que pode fazer toda a diferença na hora de planear uma estratégia de marketing digital para empresas da área da saúde, especialmente em tempos de pandemia.  

Temos uma equipa de profissionais em marketing digital que o vai ajudar com o seu próximo projeto. Contacte-nos!

Nome

Email

Mensagem