A personalidade digital e a sua importância na saúde - Constant Circle
662
post-template-default,single,single-post,postid-662,single-format-standard,qode-listing-1.0.1,qode-social-login-1.0,qode-news-1.0,qode-quick-links-1.0,qode-restaurant-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-12.1.1,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.4.4,vc_responsive

A personalidade digital e a sua importância na saúde

A personalidade é uma característica das pessoas que é constantemente elogiada. “Ele teve a coragem de dizer aquilo? Foi algo forte, num contexto difícil. Revela uma grande personalidade!” 

Dizer que a personalidade é uma característica das pessoas não é o mesmo que defender que seja algo exclusivo delas, pois a marca de uma empresa também pode demonstrar uma forte personalidade. No mundo digital, isso é particularmente valioso. 

A personalidade digital é algo essencial que permite que as marcas se evidenciam num mundo sem fronteiras, podendo ser acedidas a partir de qualquer ponto do planeta.

A personalidade digital e a sua importância para os desafios futuros da comunicação digital na área da saúde

A personalidade da marca

Independentemente da área em que esteja inserida, qualquer marca ganha mais notoriedade e respeito quando se revela diferente, única e genuína. Nas empresas, para as marcas, a personalidade torna-se particularmente importante, pois permite que elas se “descolem” do ofício, da função, do burocrático. 

Distinção

Existem inúmeras variáveis que contribuem para o desenvolvimento de uma personalidade original e única. Um dos grandes segredos para o sucesso das grandes marcas é criar uma personalidade distinta para a empresa. Depois, há que permanecer fiel a ela, demonstrando ideias genuínas e valores próprios. E é crucial conseguir passar isso para o público. 

Variáveis valiosas para a personalidade digital

  • Layout trabalhado;
  • Cores pensadas;
  • Imagens criteriosamente escolhidas;
  • Imagem transparente da sua organização;
  • Ideias definidas;
  • Valores bem defendidos;
  • Missão clara:
  • Símbolos planificados…

 

Mercado

Para uma marca desenvolver uma personalidade que vingue verdadeiramente e prospere é indispensável que conheça bem o mercado onde está inserida. É preciso estudá-lo de forma a posicionar-se e a fixar-se num contexto em que deve provar que é diferente: nas ideias, nos valores e nas ações. Não se consegue ser distinto, fazendo exatamente o mesmo que os outros. É preciso conhecer os outros, a concorrência e os seus parceiros. 

Assim, ao conhecer a personalidade e os valores da concorrência, poderá encontrar alguns pontos que se assemelham ao seu negócio. Porém, identifique em que é que se pode distinguir, por exemplo, na personalidade e no serviço. Procure também distanciar-se na comunicação: aposte numa forma de comunicar diferente, mais pessoal e original.

Personalidade

A qualidade dos produtos é importante, mas há outras variáveis que contribuem para o sucesso de uma marca, nomeadamente a sua comunicação e a sua personalidade. Apresentar uma personalidade marcante é uma excelente forma das pequenas e médias empresas se evidenciarem num mercado em que é difícil rivalizar com os “tubarões” na relação qualidade/ preço. 

A personalidade de uma empresa é especial. É importante seguir o lema “conheça-se a si mesmo”. Toda a empresa tem uma história e isso pode ser relevante para a personalidade da empresa. Por que razão a empresa foi criada? Por quem foi criada? Como foi criada? 

Essencialmente, como quer que a marca seja vista e reconhecida pelos clientes? O que é que a marca oferece (ou pode oferecer) que é verdadeiramente único?…  

Mensagem

Uma marca é mais do que um logótipo; é símbolo, é mensagem. É preciso saber quais as melhores redes sociais para passar de forma eficaz a mensagem que pretende que seja partilhada, assim como os valores e os princípios que alicerçam a personalidade da marca. Defina bem o tipo de discurso e de relacionamento que pretende desenvolver. Por exemplo, a plataforma online será privilegiada no contacto com o público (apostando assim na rapidez das respostas às solicitações dos clientes)? 

É essencial não se precipitar na mensagem e no caminho a seguir. Traçar uma personalidade com coerência. As incoerências no discurso deixam uma marca (negativa) na sua Marca… Deve estabelecer um conjunto de causas fortes e defendê-las. As ações devem refletir essas causas, pois a falta de coerência entre o que é defendido e o que é feito pode ser “ridicularizado” nas redes sociais, sempre atentas às incoerências das marcas.

Harmonia

A personalidade deve estar presente de forma coerente nos meios de comunicação digital. Ela deve evidenciar-se em todo o tipo de comunicação, nomeadamente:

  • Artigos de blog;
  • Newsletters;
  • Posts nas redes sociais;
  • Mailings;
  • Landing pages;
  • eBooks.

 

Saúde

A criação da personalidade de uma empresa deve também ter em conta o seu público. Um público mais tradicional implica uma linguagem profissional, com uma postura mais corporativa. Se estivermos a falar de uma clínica pediátrica, a comunicação deve ter em linha de conta os seus utentes – as crianças – e não se deve concentrar apenas nos pais. 

Personalidade individual 

Os profissionais da área da saúde também beneficiam em revelar a sua personalidade digital, até porque todo o médico é, simultaneamente, um especialista e uma marca. Uma marca que integra uma área que é vista por muitas pessoas como muito pouco pessoal. Normalmente, os clínicos estão muito afastados dos pacientes, não conseguindo dar-lhes toda a atenção de que eles precisam. 

Por isso, os membros da área da saúde, nomeadamente os médicos, devem investir na criação e divulgação da sua marca pessoal, da sua personalidade digital, pois ela permite uma relação mais próxima com o paciente, reforçando uma ligação mais relacional, mais humanizada.

Contexto

A área da saúde atravessa uma fase delicada e difícil. O novo coronavírus pode ter consolidado o estatuto de “heróis” para os profissionais que batalham pela saúde de todos nós, mas o trabalho é muito e o tempo é escasso. 

Todavia, o Covid-19 também impôs condições para a relação entre o médico e o paciente. Atualmente, essa relação tem de ser mesmo fria e distante, pois não há espaço para um cumprimento de mão, um abraço. Logo, o estreitamento da relação entre o médico e o paciente pode ser conseguido através da criação de uma personalidade digital, estabelecendo uma abordagem que permita contornar os problemas inerentes às circunstâncias que vivemos.

Assim, deve aproveitar esta era digital para criar uma plataforma com conteúdos genuínos, personalizados, com truques e dicas, sugestões relevantes, críticas sérias a clichês ou a frases/ideias feitas. Combater constantemente preconceitos e conteúdos errados que são defendidos como científicos, são uma das muitas razões para que um clínico opte por enveredar pelo universo digital. 

A criação de uma personalidade digital pode ser um desafio exigente, mas que pode ser feito em parceria com quem é especialista no tema, como empresas que prestam apoio no desenvolvimento de uma personalidade digital mais fidedigna. Além disso, elas ajudam a combater erros básicos que são cometidos por quem não domina o universo digital. 

Se precisa de esclarecer dúvidas ou saber mais informações acerca deste assunto ou outros da área do marketing digital, contacte a Constant Circle. Podemos ajudá-lo!

Temos uma equipa de profissionais em marketing digital que o vai ajudar com o seu próximo projeto. Contacte-nos!

Nome

Email

Mensagem